Compartilhar

          O dia 20 desse mês de Novembro marca uma data especial para Cavalera e Carlos Mlok. A marca dropa na flagship da Oscar Freire sua primeira colaboração com o bacharel em artes.

          Carlos -nome de nascença do artista-, impactado pela sua primeira revista de “grafitti” que teria sido emprestada aos 12 anos, e influenciado pela arte da rua, deu seus próximos passos na carreira bem jovem. Em pouco tempo viu a necessidade da criação de uma assinatura, prática comum entre os pixadores que costumam se manter no anonimato. Carlos agora é Mlok. Formado pela Universidade de Belas Artes de São Paulo em 2011 e também em publicidade pela Escola Panamericana de Artes Visuais, Mlok se fez doutor na faculdade das ruas.

         

          Afim de trazer um pouco da cena undergorund para a moda, a Cavalera lança 2 peças exclusivas e limitadas, com algumas das obras do Mlok. O momento também é marcado pela inauguração da exposição mais recente do artista que se estabelecerá no segundo andar da loja da Oscar Freire.

Intervenção na flagship da Cavalera com a temática da coleção Outono/Inverno 2020

          A exposição “Maison” inspira-se no movimento neoconcreto, a ideia de arte sensorial vai além da pintura, é contemplativo. Diversos ambientes intitulados “barracos”, com temáticas específicas compõe essa exposição. Cada barraco terá seu som, conflitos sonoros que acontecem na favela, efetivando cada temática. Um labirinto abrigará todos estes barracos trazendo uma imersão sensorial às comunidades brasileiras.

          A ideia do Mlok é criar exposições realmente interessantes com grande conteúdo cultural, e vivências do próprio artista no universo das ruas, atraindo colecionadores e galeristas. Desta maneira, Carlos torna-se um colaborador direto da cultura nacional e acaba se fortalecendo cada vez mais na cena. Preparadxs?

Compartilhe:

Perguntas e respostas

Sua Pergunta

Artigos Relacionados
Recomendamos para você
Índice

Respiramos MODA

Vivemos MÚSICA 

Somos RUA

Newsletter
Segurança
Formas de Pagamento
Credibilidade